fbpx

Bem-Vindo ao Blog da Artsoft para
SAP Business One

Tudo sobre Gestão e Tecnologia para você ir mais longe

O SAP é para pequenas empresas?

Essa é a pergunta muito frequente que respondemos aqui todos os dias. Indo direto ao ponto, eu respondo que talvez. Vamos lá!

Em termos gerais primeiro uma separação a nível de produto, a SAP possui dois tipos de ERP, um o SAP 4/Hana indicado para médias e grandes empresas e o outro, que vamos explorar aqui, o SAP Business One, indicado para PME’s.

Primeiro é uma questão conceitual. A SAP chama de pequenas empresas, o que, para nossa realidade, é um pouco diferente. Aqui no Brasil temos classificações de empresas como ME, MEI, EPP, além de enquadramento pelo simples nacional (Teto de R$ 4,8 milhões anual), pela minha experiência, não são empresas ideais para implementar o SAP Business One.

Digo isso porque existem soluções mais simples, com menos exigências de processos. Softwares como o Fenícia ERP, Bling, Conta Azul, são mais indicadas para esse tamanho de empresas. Seus processos de emissão de nota fiscal, entrada de mercadoria, controle de estoque e finanças, são normalmente mais simples. Isso porque não exigem por exemplo um plano de contas contábil para estar vinculado a movimentação, nem possuem processos de workflow ou autorizações, para dar apenas dois exemplos técnicos.

Mas então o SAP é só para médias e grandes empresas?

Definitivamente não. Vou dar alguns exemplos práticos. Temos vários clientes com faturamento entre R$ 6mi a 10mi/ano, com 2 a 5 usuários rodando perfeitamente com o SAP Business One. São projetos que normalmente tem um investimento em serviço de implementação na casa dos R$ 25.000 a R$ 50.000, e mensalidade de R$ 1.800 a R$ 4.000/mês (incluindo o licenciamento, nuvem, add-ons e suporte, tudo!) Factíveis para empresas com esse faturamento.

Do outro lado da mesa, temos empresas com faturamento na casa de R$ 1bi/ano, rodando perfeitamente com o SAP Business One. Nesse ponto o produto evoluiu muito nos últimos anos, fazendo inclusive frente às soluções ERP tradicionais da SAP para grandes empresas. (Mais isso é assunto para outro artigo: Migração para o SAP S/4 Hana)

Powered by Rock Convert

Então qual é o tamanho e o segmento Mínimo para o SAP Business One?

Eu diria que empresas de Serviço, Indústrias e Distribuidores, com faturamento acima de 6mi/ano. Para empresas Varejistas com faturamento acima de 12mi/ano, entendo como ideal mínimo.

Mas a questão aqui não é só o faturamento. Além é claro da capacidade de investimento do cliente, que começa na faixa de R$ 25k a R$ 50k como dei no exemplo acima, a empresa pode ter expectativa de escalar rapidamente seu negócio, e não quer ter os problemas de trocar de software quando isso acontecer. Ou tem processos e exigências que são melhores administradas com o SAP Business One.

Em resumo é a capacidade de investimento do cliente, e seu planejamento de médio prazo.

Quais áreas são atendidas com o SAP Business One?

As áreas atendidas pelo SAP Business One são:

  • Contabilidade e finanças;
  • Compras e operações;
  • Vendas e prestação de serviços;
  • Inventário e distribuição;
  • Produção e MRP;
  • Gerenciamento de projetos e recursos;

Quais segmentos o SAP Business One atende?

Os segmentos mais comuns para o SAP Business One são:

Considerando avaliar o SAP Business One para seu negócio, no ebook abaixo tiramos essas e outras duvidas, se preferir entre em contato conosco. 


Marcos Leite

Cofundador da Artsoft, Head de Marketing & Vendas e Diretor da área de Projetos de implementação dos Sistemas de Gestão ERP.

Comentar

Endereços:
Rua Fradique Coutinho 50 | 3° andar | Pinheiros | São Paulo
• Tel.:(11)3090-4433
Rua México, 90 | 6° andar | Centro | Rio de Janeiro
Tel.: (21) 3216-9100


@Artsoft. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade
Feito por Agência de Crescimento

Default

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat. Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur. Excepteur sint occaecat cupidatat non proident, sunt in culpa qui officia deserunt mollit anim id est laborum.

%d blogueiros gostam disto: